13/11/2019

Prefeitura de Jaguariúna divulga calendário de atividades da campanha “Novembro Azul”

Ação alerta para a importância da prevenção ao câncer de próstata

A Prefeitura de Jaguariúna, por meio da Secretaria de Saúde preparou uma série de ações no âmbito da campanha Novembro Azul, de prevenção ao câncer de próstata. “Não é segredo pra ninguém que os homens são mais resistentes a ir regularmente ao médico do que as mulheres, e justamente por isso é que a campanha ganha mais importância”, diz a prefeitura por meio de nota.

As ações tiveram nesse início nessa terça-feira (12), nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s), incluindo palestras consultas, orientações e até mesmo uma abordagem especial.

Uma das ações programadas é a “Saúde do Homem no Boteco”, programada pela equipe da UBS do Jardim Florianópolis para o dia 27 de novembro, das 18 h as 20h, horário em que os bares costumam reunir mais clientes. Conforme o cronograma de atividades, técnicos da Secretaria de Saúde farão visitas aos bares na área de cobertura dessa UBS, numa abordagem para esclarecer a importância da prevenção ao câncer de próstata e sobre doenças sexualmente transmissíveis (DST’s).

Os Agentes de Saúde também divulgarão os demais serviços disponíveis na unidade, como o teste rápido para HIV, sífilis, Hepatite B e C e o Programa Antitabagismo, além de vacinação e oferta de consultas médicas no período noturno. A programação é extensa – vai de 12 a 25 de novembro – e será desenvolvida em praticamente todas as UBS’s da rede municipal de saúde de Jaguariúna. Confira abaixo.

Novembro Azul

Novembro Azul é um movimento mundial que acontece durante o mês de novembro para reforçar a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata. A doença é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens brasileiros e as maiores vítimas são homens a partir dos 50 anos, além de pessoas com presença da doença em parentes de primeiro grau, como pai, irmão ou filho.

O que é câncer de próstata?

Durante o funcionamento da próstata, algumas células podem se desenvolver e multiplicar de forma anormal, provocando o surgimento de um tumor. O câncer de próstata é o segundo mais incidente entre os homens no Brasil, apenas atrás do câncer de pele não melanoma. Estima-se 68.220 mil novos casos da doença no país, em 2018. O risco estimado é de cerca de 66,12 novos casos para cada 100 mil homens.

Quando procurar o médico?

Quando o homem perceber sinais e sintomas sugestivos da doença, como: dificuldade de urinar; diminuição do jato de urina; necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite; e sangue na urina. A detecção do câncer de próstata pode ser realizada com exames clínicos, laboratoriais ou radiológicos (diagnóstico precoce).

Os homens sem sinais ou sintomas, mas pertencentes a grupos com maior chance de ter a doença, podem realizar com exames de toque retal e de sangue para avaliar a dosagem do PSA (Antígeno Prostático Específico).

Como é feito o diagnóstico de câncer de próstata?

O exame de PSA é solicitado anualmente para acompanhar as alterações específicas da próstata. O resultado, quando alterado, pode indicar situações como inflamações, infecções, hiperplasia (crescimento benigno) e também o surgimento do câncer de próstata. O toque retal e a dosagem do PSA servem para indicar a necessidade da biópsia da próstata (retirada e análise de fragmentos da glândula e única forma de confirmar uma suspeita de câncer). A realização de exames é recomendada quando há presença de sinais e sintomas, conforme preconiza o Ministério da Saúde.

 Como posso prevenir?

Adotar hábitos saudáveis diminui o risco de várias doenças, inclusive o câncer. Recomendamos:

  • Manter uma alimentação saudável e equilibrada;
  • Não fumar.
  • Identificar e tratar adequadamente a pressão alta, diabetes e problemas de colesterol
  • Manter um peso saudável;
  • Praticar regularmente atividades físicas.

.……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Jaguariunense


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.