12/02/2020

Volume de chuva coloca Jaguariúna em estado de atenção

Defesa Civil de Jaguariúna disse que o alerta é para áreas suscetíveis a deslizamentos, o que não é o caso do município

Da redação

O Departamento Regional da Defesa Civil incluiu nesta quarta-feira (12), a cidade de Jaguariúna em estado de atenção, devido ao volume de chuvas nas últimas horas. Com a inclusão da cidade, subiu para 19 o número de municípios em Estado de Atenção.  As cidades acumularam, juntas, 1895,6 milímetros de chuva em 72 horas informou o órgão.

Conforme os dados, Jaguariúna acumulou 81,1 milímetros de precipitação em três dias. O estado de atenção é registrado quando a cidade atinge 80 milímetros ou mais de chuva em 72 horas.

O alerta também destaca a possível ocorrência de alagamentos e deslizamentos isolados e transtornos que provoquem reflexos na mobilidade urbana.

Em nota, a Defesa Civil de Jaguariúna informou que a cidade não está em estado de atenção.

“Segundo a Defesa Civil de Jaguariúna, esse alerta dado pela DC estadual, é para áreas suscetíveis a deslizamentos. Como aqui em Jaguariúna não há esse risco, a cidade não está em estado de atenção.

No momento, não há nenhum morador desabrigado ou desalojado”, diz a nota.

ORIENTAÇÕES DA DEFESA CIVIL

A Defesa orienta que a população se atente a qualquer situação de perigo, como desabamento, deslizamento, desmoronamento, enchente, alagamentos, enxurradas e ocorrências relacionadas com raio e vento.

Rodovias e estradas: Se estiver dirigindo, procure um local coberto e seguro e aguarde o tempo melhorar.

Enxurradas: Nunca enfrente enxurradas ou atravesse vias alagadas, pois águas de inundação são pesadas e violentas. Apenas 15 cm de água em movimento podem derrubá-lo, e 30 cm de água em movimento são suficientes para arrastar um veículo.

Áreas descobertas: Se estiver em locais como praia, piscina, estacionamento e campo de futebol, saia imediatamente e procure áreas cobertas e seguras.

Chuvas com raios: Mantenha distância de objetos altos e isolados ou metálicos, como árvores e guarda-sol. Não solte pipas e não carregue objetos como canos e varas.

Trovoadas: Ao escutar trovões, abrigue-se imediatamente em uma edificação ou veículo, permanecendo longe de janelas, tomadas e materiais metálicos.

Deslizamentos: Diante do aparecimento de fendas e rachaduras nas paredes ou de qualquer sinal de deslizamento, abandone o local imediatamente e procure abrigo fora da área de risco.
.……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Jaguariunense


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.